Postagens

Mostrando postagens de Maio, 2015
Estranha sensação
Estranho engolir do choro
Estranha explicação
Não sei dizer o por que sim, ou porque não.
Uma pequena explosão
Indecifrável solidão de apenas um luar.
Ela não está mais no meu dia a dia
Não a vejo há dezenas de semanas
Mas ela está em mim como sempre esteve
Como a única pessoa que me faz sorrir, me faz chorar
E contudo, divide comigo as melhores lembranças da minha vida.
B.
Imagem